O Sacerdote
A Consagração dos Sacerdotes
As Vestes Sacerdotais

O SACERDOTE

Israelita arrependido que tinha levado até o portão do tabernáculo o seu sacrifício, havia alcançado o altar de bronze, e somente até aqui onde ele poderia se aproximar de Deus. Depois daqui, era de responsabilidade dos sacerdotes irem por ele, e concluir os ofícios sacerdotais no Lugar Santo.

Isto eles faziam como representantes do povo. Era um grande privilégio o seu chamado para o servir ao Senhor mais próximos do que o restante da congregação de Israel, ou daquilo que foi designado aos levitas.


A definição universal de um sacerdote é:

Um ministro autorizado de uma deidade, que, em nome de um povo ,
oficia ao altar, e em outros ritos, agindo como um mediador entre a deidade e o homem ".

A definição Bíblica de um sacerdote é:

"Um oficial escolhido, ou um príncipe, habilitado por Deus, para se aproximar de Deus para ministrar em favor do povo. Ele é responsável para oferecer os sacrifícios divinamente ordenados por Deus, para executar os diferentes ritos e cerimônias referentes à adoração a Deus, e por ser um mediador entre Deus e o homem".

Um sacerdote é alguém que faz os sacrifícios, realiza os rituais e age como um mediador entre Deus e o homem. Isto significa que ele é responsável por oferecer aquilo para o qual foi divinamente designado por Deus, para executar os diferentes ritos e cerimônias referentes à adoração a Deus, e ser um mediador entre Deus e homem.

Como nós vimos, os Levitas foram escolhidos como esses, para servir ao Senhor, e eram tomados da tribo de Levi, da qual os sacerdotes eram escolhidos. Eles se originaram de uma família, a de Arão e de seus quatro filhos dele, Nadabe, Abiú, Eleazar e Itamar. Mas devido à morte de Nadabe e Abiú, a sucessão sacerdotal passou para Eleazar e Itamar, de cuja linhagem vieram os sacerdotes em Israel.

Os seus deveres estavam divididos em funções. (Serviço, Ensino, e Oração)

1) o primeiro era ministrar no santuário, que nesta época era o tabernáculo, mas quando Israel se tornou uma nação povoada foi o templo.

2) Em segundo, os sacerdotes eram responsáveis para ensinar ao povo a lei de Deus.

3) Por fim, quando a nação buscava a Deus, eram os sacerdotes que oravam para pedindo direção.

Algo da importância do sacerdote na adoração do Antigo Testamento pode ser visto do fato de que no hebraico a palavra para sacerdote 'kohen' ocorre quase 800 vezes. É interessante que o verbo kahan (da mesma raiz de kohen) é usado no Antigo Testamento para descrever o noivo que se enfeita com ornamentos.

Os Sacerdotes usavam roupas distintas sempre que eles estavam ministrando no altar ou entravam no Santo Lugar. A roupa deles tinha que estar limpa e pura antes de se aproximar de Deus.

 

Cristo Nosso Sacerdote

Os sacerdotes de Israel eram apenas sombras do nosso Grande Sumo Sacerdote , o Senhor Jesus Cristo. Algumas passagens nos dão uma compreensão da perfeição encontrada no caráter sacerdotal de Cristo:

(1) Cristo como Sacerdote foi designado e escolhido por Deus

Hebreus 5:5 "Assim também Cristo não se glorificou a si mesmo, para se fazer sumo sacerdote, mas aquele que lhe disse: Tu és meu Filho, Hoje te gerei.".

(2) Ele foi consagrado com um juramento

Hebreus 7:20-22 "E visto como não é sem prestar juramento (porque certamente aqueles, sem juramento, foram feitos sacerdotes, mas este com juramento por aquele que lhe disse: Jurou o Senhor, e não se arrependerá; Tu és sacerdote eternamente, Segundo a ordem de Melquisedeque), de tanto melhor aliança Jesus foi feito fiador."

(3) Ele não tem pecado

Hebreus 7:26 " Porque nos convinha tal sumo sacerdote, santo, inocente, imaculado, separado dos pecadores, e feito mais sublime do que os céus;"

(4) O Seu sacerdócio é inalterável.

Hebreus 7:23-24 "E, na verdade, aqueles foram feitos sacerdotes em grande número, porque pela morte foram impedidos de permanecer, mas este, porque permanece eternamente, tem um sacerdócio perpétuo."

(5) O Seu oferecimento é perfeito e definitivo.

Hebreus 9:25-28 " Nem também para a si mesmo se oferecer muitas vezes, como o sumo sacerdote cada ano entra no santuário com sangue alheio; De outra maneira, necessário lhe fora padecer muitas vezes desde a fundação do mundo. Mas agora na consumação dos séculos uma vez se manifestou, para aniquilar o pecado pelo sacrifício de si mesmo. E, como aos homens está ordenado morrerem uma vez, vindo depois disso o juízo, Assim também Cristo, oferecendo-se uma vez para tirar os pecados de muitos, aparecerá segunda vez, sem pecado, aos que o esperam para salvação."

(6) Ele Intercede continuamente

Hebreus 7:24-25 " Mas este, porque permanece eternamente, tem um sacerdócio perpétuo. 25 Portanto, pode também salvar perfeitamente os que por ele se chegam a Deus, vivendo sempre para interceder por eles."

(7) Ele é o único Mediador

I Timóteo 2:5 "Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo homem."

Copyright © 1998 O Acelerador de Conhecimento Bíblico